HÁ UM SOPRO DE ESPERANÇA E AÇÃO NA POLÍCIA CIVIL DO RN.


Titular da Diretoria de Polícia do Interior (DPCIN), o delegado Clayton Pinho admite que o sistema de Segurança Pública do RN foi assumido em situação desoladora. Mas há ótimas notícias e alento. 

Nem tudo está perdido: há um sopro de esperança e ação.Em conversa,Pinho exalta o destemor e dedicação da secretária da Segurança e Defesa Social, Kalina Leite, nessa operação, além da prioridade imposta pelo governador Robinson Faria (PSD). Os números da deficiência na Polícia Civil ainda assustam, reconhece. Entretanto, “a casa começou a ser arrumada”, diz. Clayton Pinho adianta que 15 picapes S-10 e 120 Gol (1.6) estarão sendo disponibilizados em poucos dias à Polícia Civil. 

A restruturação das delegacias passam pela chegada de 400 PC’s (computadores de mesa) e impressoras. Reformas físicas dos prédios começam a ser planejada a partir da capital. Vem por aí outra novidade: implantação gradual e sistêmica do “Inquérito Virtual”, um programa que coloca todas as delegacias em rede, agilizando informações e fechando o cerco à delinquência.

Essa modalidade de software (programa) existe em outros estados, com excelentes resultados. Concurso Ele também ilustra que “as diárias estão em dia, estimulando o pessoal”, e novos escrivães, delegados e agentes vão estar prontos no segundo semestre. “Eles passam por curso de formação. São 29 escrivães, 50 delegados e 100 novos agentes”, relata. 

Cogita-se outro concurso para 2016, “mas que só terá quantidade de vagas definidas quando avaliarmos as condições do Tesouro, o que é tratado pelo governador, secretária e setores ligados às finanças do Governo”, explica ele. Clayton Pinho evita ufanismo. Pés no chão quanto às dificuldades. 

O déficit de profissionais que se ampliou, há vários anos, continua grande “e não será coberto em curto e médio prazos”, avisa. - Precisaríamos de 5.400 integrantes. Hoje, temos cerca de 1.400. É como se a Polícia Civil estivesse em permanente greve – dimensiona.

Por Carlos Santos
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário