Polícia faz reprodução simulada do assassinato da psicóloga Natália Tâmara

Delegado Raimundo Rolim considerou o procedimento de extrema importância para o inquérito


Policiais civis de São Gonçalo do Amarante realizaram na manhã desta terça-feira (2), uma reprodução simulada do assassinato da psicóloga Natália Tâmara Felipe Macêdo, de 24 anos morta com golpes de faca, na manhã do dia 22 de Maio. O principal suspeito do crime, Carlos André Santos Cassimiro, de 29 anos, participou da atividade que foi coordenada pelo titular da delegacia do município o delegado Raimundo Rolim de Albuquerque Filho.

O bacharel foi acompanhado de peritos da coordenadoria de criminalística do Instituto Técnico e Científico de Polícia e policiais militares. As cenas do crime foram reproduzidas, na casa do suspeito, no centro da cidade de São Gonçalo do Amarante e uma estrada carroçável próximo ao aeroporto, onde o corpo da vítima foi deixado.

Raimundo Rolim relatou a reportagem do PortalBO que solicitou a reprodução simulada mediante a alguns questionamentos que surgiram após o depoimento de Carlos André, que desde o primeiro momento confessou o crime, mas deixou de informar alguns detalhes da dinâmica do assassinato. “Ele não disse em depoimento que deixou o corpo cair na porta da casa ocasionando uma lesão em duas vértebras da vítima, além de outras coisas Carlos também disse apenas durante a reprodução que quando retirou Natália da mala do carro e a colocou no chão a psicóloga ainda estava viva”, disse.

O policial voltou a afirmar que o crime foi cometido com requintes de crueldade e que vai analisar criteriosamente todos os pontos que ainda são motivos de dúvidas para esclarecer completamente o que aconteceu naquela manhã de sexta-feira. A reprodução simulada durou cerca de quatro horas e não sofreu nenhum tipo de comprometimento externo, Carlos colaborou com os peritos e com o delegado respondendo todas as perguntas que lhe foram feitas.

*Portal BO
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário