Presidiário mata mulher refém em Cajupiranga e se entrega

Jadson Pinheiro exigia cela especial para cumprir pena em presídio


O presidiário Jadson Pinheiro dos Santos, de 27 anos, que mantinha duas pessoas como reféns em uma residência, do bairro Cajupiranga, matou uma das vítimas a tiros e se entregou a polícia após três horas de negociações. O alvo do presidiário foi a ex-companheira identificada apenas como “Natália”.

Leia Mais:

De acordo com o tenente coronel Triguêiro, comandante do Batalhão de Operações Policiais Especiais, o presidiário foi até a casa da vítima já com a intenção de matá-la por vingança, Natália teria tentado contra a vida de Jadson no passado. “Ele relatou que há dois anos a ex-companheira, juntamente com dois homens tentaram matá-lo chegando a ser atingido por vários tiros na ocasião, por esse motivo ele foi até a casa da mulher para se vingar”, disse.

Jadson exigia uma cela especial para cumprir pena e pediu a presença de um representante da Sejuc. O presidiário foi conduzido a delegacia de Parnamirim onde será autuado por homicídio e em seguida vai ser encaminhado ao sistema penitenciário. A outra vítima que era também mantida como refém não foi identificada e nada sofreu.

*Portal BO
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário