Com exame genético, PF identifica autor de vandalismo e furto na UFRN

Ao ser localizado, homem já se encontrava preso na Penitenciária Estadual de Parnamirim.


Com a identificação de um artesão, de 39 anos, chegou ao fim o inquérito da PF que apurava atos de vandalismo e furto de objetos da UFRN. O crime ocorreu no Departamento de Assistência ao Servidor (DAS), no final de 2013, sendo o fato, na época, bastante comentado pela mídia e redes sociais.

O acusado teve acesso ao local através do suporte do ar condicionado e se utilizou das chaves do claviculário para adentrar nas salas. Ele também usou uma alavanca para arrombar armários de onde subtraiu celulares e notebooks, dentre outros objetos.

Ainda durante a prática do furto, o suspeito urinou, defecou e com uma camisa espalhou fezes nas paredes do prédio. Com as investigações, a PF chegou até ao autor do delito graças à um exame genético confrontado com os vestígios obtidos no local do crime.

Ao ser localizado, o envolvido já se encontrava preso na Penitenciária Estadual de Parnamirim (PEP), onde cumpre pena por quatro condenações, todas por furto.

Quando do seu interrogatório, o artesão assumiu a autoria do arrombamento e disse que trocou os objetos furtados da UFRN por pedras de crack. Ele declarou ainda que não se lembrava dos seus atos no interior do prédio do DAS naquele dia, pois estaria sob efeito de drogas. O homem foi Indiciado por furto e dano qualificado. O inquérito segue agora para a Justiça.

*Portal Bo
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário