Professores da UERN rejeitam proposta do governo e continuam em greve


Os professores da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) rejeitaram hoje (20), em assembleia, a proposta encaminhada pelo governo do Estado e definiram que continuarão o movimento paredista, iniciado no dia 25 de Maio.

A diretoria da Associação dos Docentes da UERN (ADUERN) apresentou, durante a assembleia, a contraproposta feita pela categoria aos representantes do Governo. De acordo com a proposição, as categorias dariam uma margem de tempo para o ajuste financeiro das contas do Estado.  O realinhamento referente ao acordo de 2014 seria realizado em duas parcelas nos meses de maio de 2017 e maio de 2018.

O Governo se comprometeu a enviar um documento oficializando seu compromisso em cumprir a proposta formulada pela categoria e considerada mais plausível inclusive pelos próprios auxiliares de Robinson. O documento enviado, porém, não estava de acordo com o que foi negociado com os docentes, que o rejeitaram.

Com isso, os docentes aguardam a decisão judicial do desembargador Cornélio Alves, que vai apreciar o pedido de ilegalidade da greve. A decisão judicial está prevista para esta quarta-feira (21). Caso seja decretada a ilegalidade, os professores devem retornar imediatamente às atividades, sob pena de multa e corte do ponto, mas ADUERN pode apresentar a defesa.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário