Operação Abril Despedaçado da Polícia Civil prende suspeitos de pistolagem

Ação policial visou combater crimes na região do Vale do Açu.


A Delegacia de Polícia Civil de Assu, com apoio da Delegacia de Polícia Civil de Caraúbas, de equipes da Polícia Militar e da Polícia Rodoviária Federal, deflagrou a Operação Abril Despedaçado, nesta quinta-feira (10), para cumprir mandados de prisão, de busca e apreensão contra suspeitos de terem envolvimento com os “crimes de pistolagem", em que ocorrem assassinatos por encomenda. A ação, que contou com o trabalho de 150 policiais e suporte do helicóptero Potiguar I, conseguiu prender 15 suspeitos, que foram detidos nas cidades de Assu e Caraúbas.

“A investigação teve início depois do homicídio do vereador Manoel Ferreira Targino, mais conhecido por`Manoel Botinha´, morto no dia 22 de abril de 2015. Com o desenvolvimento das investigações foi descoberta a existência de grupos que realizavam homicídios contratados. Acreditamos que com esta Operação, aconteça uma grande queda na taxa de homicídios na região do Vale do Açú”, detalhou o delegado titular da DP de Assu, Carlos Brandão.

O nome da Operação Abril Despedaçado é uma alusão ao filme do diretor Walter Salles, que aborda o conflito de terras entre duas famílias no interior nordestino do Brasil e o assassinato de membros dos grupos rivais. “Nesta região do RN, alguns homicídios ainda são praticados por criminosos que atuam em crimes de pistolagem. A Operação Abril Despedaçado mostra que nós, da Polícia Civil, estamos investigando e prendendo aqueles que atentam contra a vida”, destacou o delegado titular da DP de Caraúbas, Erick Gomes da Silva.

Resultados - Entre as 15 prisões efetuadas, sete delas foram decorrentes de mandados de prisão e oito foram prisões em flagrante. Também foram cumpridos 24 mandados de busca e apreensão que resultaram em apreensões de três veículos, quatro revólveres, três pistolas, seis espingardas e vasta munição, dentre outros objetos ilícitos.

Na cidade de Assú foram detidos por cumprimento de mandado de prisão José Roberto Nascimento da Silva, vulgo “Feitosa”; Itamar Veríssimo de Melo; Welber Veríssimo de Melo, vulgo “Ebinho”; Jalisson Veríssimo de Melo, vulgo “Jalin” e Douglas Daniel Morais de Melo. Em Caraúbas foram detidos, também em cumprimento a mandados judiciais, Damião Firmino da Silva e Eder Frankle da Silva.

“A nossa Operação tinha como um dos alvos o foragido e condenado da Justiça, Francimar Paulino da Silva, mais conhecido como “Mal de Duzentos”, suspeito do cometimento de vários homicídios na região e de integrar uma associação criminosa especializada em crimes de pistolagem. Ele estava foragido da Justiça desde o dia 16 de março de 2014. No momento da abordagem policial, Francimar Paulino da Silva efetuou disparos contra os policiais e durante a ação, o criminoso veio a óbito”, relatou o delegado Carlos Brandão.


*Fonte: Assesoria / PM
*Portal BO
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário