"Não vou falar nada não" diz motorista suspeito de matar a vizinha


O motorista Antônio Marcos Soares Nogueira, de 34 anos, foi localizado e preso nesta quinta-feira, 7, numa residência no município de Porto do Mangue, região salineira do Rio Grande do Norte.


Em contato com a imprensa, Antônio Marcos declarou, em resposta a pergunta sobre o que teria levado ele a matar a vizinha a tiros no dia 4 de outubro de 2015: "Não vou falar nada não".

O suspeito confessou o crime aos policiais, mas não contou detalhes, como o que teria motivado a rixa que resultou na morte de Mércia Freire de Mendonça, de 32 anos.

A delegada Liane Aragão, da Delegacia de Homcídios de Mossoró, disse que o inquérito já está concluído. Ela acrescentou que a Justiça inclusive já decretou a prisão preventiva do suspeito.

Liane Aragão destacou que já tem provas suficientes no processo que comprovam que Antônio Marcos atirou em Mércia Freire Mendonça. Ele teria errado o alvo, que na verdade seria a tia de Mércia.


A delegada disse que após o crime Antônio Marcos fugiu de Mossoró. "Recebemos informações que ele esteve em várias cidades da região Oeste e por último na cidade de Porto do Mangue", destacou a delegada.

Antônio Marcas vivia da pesca em Porto do Mangue. Passava uma temporada no rancho da pesca e outro na casa. O agente Eilson Rodrigues contou que na abordagem Antônio Marcos não reagiu.

Durante a revista na casa, os policiais encontraram um revólver calibre 38. "Ele falou pra gente que a arma ele comprou por mil reais e que não foi a usada no crime. Mas ele confessa o crime".

Após detalhar seu depoimento a polícia, Antônio Marcos será levado para a Cadeia Pública de Mossoró, onde vai aguardar decisão judicial se vai a Júri Popular ou não.

Em video, a delegada Liana Aragão detalha melhor a captura do suspeito


*Mossoró Hoje
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário