Quadrilha especializada em roubar bancos foi presa em Mossoró

Quatro integrantes de uma quadrilha especializada em furtar dinheiro de agências bancárias, aproveitando-se do descuido ou distração de funcionários foram presos, na tarde de hoje 18 de março, após tentar levar dois malotes com mais de 160 mil reais do Banco do Nordeste da cidade de Mossoró, região Oeste do Rio Grande do Norte. 

Segundo as investigações, a quadrilha não usa armas e nem emprega violência nas ações e quando alguém é flagrado em algum ambiente de acesso restrito, dentro do banco, outro comparsa tenta distrair a segurança do estabelecimento. 

Na tarde de hoje, dois foram para a fila de caixa e um ficou próximo do vigilante de plantão, tentando distraí-lo. 

Quando percebeu a tentativa de manobra dos assaltantes, os responsáveis pela segurança interna, travaram todas as portas do banco. Um dos assaltantes já estava saindo de dentro do banco com os pacotes com o dinheiro. Eles foram identificados e dominados pela equipe de segurança da agencia. 

A identificação dos acusados: 
Geusimar Euzébio da Silva de 34 anos de idade, natural de Ituiutaba em Minas Gerais: O nome dele aparece como integrante de uma quadrilha presa no interior de Minas gerais em 2008 após roubar uma agência do Banco do Brasil em Iturama. 
Roberto Alves da Silva de 27, residente na Rua José Geraldo Madureira, na cidade de Timóteo, também em Minas gerais: 
Matheus Marques de Andrade, 22 anos de idade, residente na Rua Iça de Queiroz, no bairro Turbalina em Uberlândia, Minas Gerais. O nome dele aparece como integrante de uma quadrilha organizada com participação em roubo a Bancos nos estados de Mato Grosso e Minas Gerais e até no estado da Paraíba. Ele foi preso em 2013, depois de participar de um roubo a Banco no Estado de Mato Grosso. Em 2015, Mateus tentou levar por assalto dois malotes de dinheiro do Banco Bradesco, no centro de Cajazeiras, no estado da Paraíba, mas ao sair da agência se deparou com um policial. 

João Batista da Silva, de 44 anos de idade, também residente em Minas Gerais. 

Enquanto uma equipe da Rocam comandada pelo Sgt Renixon prestava socorro ao indivíduo ferido na cabeça com uma paulada desferida pelo segurança, eles reclamaram a ausência de outro integrante. Uma equipe do Grupo Tático Operacional “GTO” voltou a agencia e encontrou o quarto suspeito e o carro utilizado pela quadrilha, um Ford Fiesta com placa de Ituiutaba em Minas Gerais, que segundo informações pertence a uma Locadora de Veículos. 

Já a noite a polícia encontrou o segundo veículo que estava estacionado em frente ao Banco, com a chave na Ignição. A polícia acredita que o grupo estava preparado para uma fuga rápida. 

A polícia de Mossoró foi avisada por um Delegado que uma quadrilha com as mesmas características, estava atuando em Natal e que era possível que já estivesse em Mossoró. Eles disseram na delegacia de Furtos e Roubos para onde foram levados, que haviam chegado em Mossoró, hoje e não utilizavam armas nas suas ações. 

Segundo o Bacharel Luiz Fernando, titular da Especializada, todo o grupo será autuado, por roubo qualificado e formação de quadrilha. As investigações continuam.



A ocorrência foi atendida pelas equipes da Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas, Rocam, do Grupo Tático Operacional, "GTO" e a Viatura de Radio Patrulha do Centro da cidade.

*OCâmera
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário