MP apura irregularidades no quadro de servidores da Assembleia no RN

Segundo MP, irregularidades trazem prejuízo a aprovados em concurso.
Documento foi publicado no Diário Oficial do Estado desta quinta-feira (9).

MP apura possíveis falhas no quadro de pessoal da Assembleia do RN (Foto: João Gilberto/ALRN)

O Ministério Público do Rio Grande do Norte iniciou uma investigação para apurar possíveis irregularidades no quadro de servidores da Assembleia Legislativa potiguar. A portaria que instaura o inquérito civil é assinada pela promotora de Justiça Maria Danielle Simões Veras Ribeiro e foi publicada na edição desta quinta-feira (9) do Diário Oficial do Estado.

No final do documento, a promotora diz que deixa de publicar a portaria "em virtude da necessidade do sigilo para resguardar a efetividade dos atos investigatórios". Mesmo assim, a portaria 003/2016 foi publicada. Em contato com o G1 por meio da assessoria de imprensa do MP, a promotora informou que o inquérito está sob análise.

Segundo a portaria, as 'possíveis irregularidades' trazem prejuízo aos aprovados em concurso público realizado anteriormente. A promotora Maria Danielle usou como fundamento jurídico o fato de a Constituição Federal estabelecer que a investidura em cargos públicos só podem ser feitas por concursos públicos.

No documento, a promotora determina que a coordenadora do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Cidadania seja comunicada da instauração do inquérito. Ele pede ainda que seja agendada uma reunião com a coordenadora das Promotorias de Defesa do Patrimônio Público da Comarca de Natal, "a fim de discutir o caso dos provimentos inconstitucionais no seio do quadro de servidores da Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Norte".

*G1/RN
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário