“Sistema de cadastro dirá quem são os presos e quem os visita”, diz Wallber Virgolino

Secretário de Estado da Justiça e da Cidadania explicou que novo sistema prisional visa auxiliar a segurança pública e que deve entrar em vigor no início de 2017

Até o início de 2017, o Governo do Rio Grande do Norte espera implantar um sistema informatizado de cadastro dos apenados, funcionários e visitantes de todas as unidades prisionais do estado. A informação foi passada ao Portal Agora RN pelo secretário de Estado da Justiça e da Cidadania, Wallber Virgolino. Em reunião realizada nesta terça-feira (6), o Detran/RN (Departamento Estadual de Trânsito do RN) e a Sejuc (Secretaria de Estado da Justiça e da Cidadania) definiram os detalhes do Termo de Cooperação que as duas entidades firmarão.

Segundo Virgolino, a meta da Sejuc é, através da parceria com o Detran-RN, fiscalizar e auxiliar a segurança pública no combate ao crime. “Tudo vai ser informatizado; teremos um cenário onde o preso, o visitante e o agente penitenciário daquela localidade serão cadastrados, e vamos ter acesso a quem trabalha em cada unidade, quem são os presos, e quem visita esses presos”, explicou.

Ainda de acordo com Wallber, no dia 19 deste mês será feito o processo licitatório para a escolha da empresa que implantará o sistema nos presídios. Após a contratação, será feita a capacitação para a utilização do sistema nas unidades prisionais, e espera-se que, ainda no início de 2017, esteja em uso.

A ideia é utilizar a tecnologia utilizada no banco de dados de condutores pelo Detran-RN (Renach) para cadastrar quem está no sistema prisional. Registro das impressões digitais, captura facial, e digitalização de documentos serão feitos e arquivados num sistema interligado para traçar um panorama geral do sistema carcerário do Rio Grande do Norte.

*Agora RN
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário