_________________________________________________________________

_________________________________________________________________

Madrugada de terror em Baraúna. Bandidos explodem agências bancárias e metralham base da PM

A cidade de Baraúna distante 36 quilômetros de Mossoró, na região oeste do Rio Grande do Norte, viveu nesta madrugada de quinta feira 05 de janeiro de 2017, momentos de pânico, terror e medo. 

Um grupo de criminosos fortemente armado invadiu a cidade por volta da 01h30min explodiram as duas agências bancárias da cidade, Banco do Brasil e Bradesco e ainda metralharam a base da Polícia Militar. 

A População que acordou com os estrondos, não sabia o que fazer diante de tantos tiros disparados pelos criminosos. As marcas da violência ficaram nas paredes da Base da PM. 

Várias viaturas do 2º e 12º BPM de Mossoró foram deslocadas para aquela cidade, mas não conseguiram chegar a tempo devido a grande quantidade de grampos espalhados na rodovia e muitas dessas viaturas tiveram os pneus furados. 

Ainda não há informações sobre o montante de dinheiro levado das duas agências que ficaram parcialmente destruídas.

Sede do Destacamento da Polícia Militar
Banco do Bradesco totalmente destruído

Com informações ddo blog Fim da Linha
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário