_________________________________________________________________

_________________________________________________________________

Mossoró: Corpo de um homem em decomposição é encontrado na região do Tranquilim

O corpo em decomposição foi encontrado por populares dentro de um terreno baldio. Não é possível verificar sinais de violência


João Batista da Silva, 38 anos, morador do Assentamento Favela na zona rural de Mossoró, foi encontrado morto com o corpo em avançado estado de decomposição, em um matagal nas proximidades da antiga Favela do Tranquilim, região do Dom Jaime Câmara em Mossoró, região Oeste do RN. 

O corpo foi encontrado por um popular que passava no local e acionou a Central de Operações da PM. Uma guarnição de Rádio Patrulha foi acionada e ao chegar no local se deparou com o corpo em putrefação. 

A equipe do ITEP e da Divisão de Homicídios realizaram os procedimentos de praxe no local e removeram o corpo para a sede do Instituto de Perícia onde será examinado para detecção da causa da morte. 

O perito criminal, reinildo Marcelino, disse que não é possível identificar no local, se a vítima foi assassinada ou não, somente após a necropsia é que se poderá ter um posição. 

No corpo havia algumas perfurações, mas segundo o perito, elas podem ter sido provacadas pela ação de animais ou vermes. 

Familiares acompanharam o trabalho dos peritos e reconheceram o corpo como sendo mesmo de João Batista da Silva. Segundo o tio dele, o rapaz veio do Assentamento Favelas, onde morava, há duas semana para procurar emprego em Mossoró e estava na casa de parentes. 

De acordo com o familiar, João Batista da Sailva, saiu da casa do tio na última quinta feira 02 de fevereiro para procurar trabalho e não mais retornou. 

O tio informou ao delegado da Divisão de Homicídios Dr. Rafael Arraes,que seu sobrinho não usava drogas, não tinha inimigos e não era envolvido com ações crimnosas. 

A DHPP vai aguardar o resultado da autopsia que será feita ainda hoje, no corpo de João Batista e se for comprovado assassinato, dará início as investigações. 
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário