_________________________________________________________________

_________________________________________________________________

175ª Morte violenta em Mossoró em 2017: Ex-presidiário, foragido da Justiça morre em confronto com a policia em Mossoró

A cidade de Mossoró, no Oeste do Rio Grande do Norte, fecha o mês de setembro de 2017, com o registro de 175 mortes violentas, provocadas por algum tipo de arma, mesmo numero registrado de 1º de janeiro a 30 de setembro de 2016.
No final da noite de hoje, 30 de setembro, Wilton Carlos Mendes Torres, “Wilton Bigode” de 24 anos de idade, residente na Rua Pastor Otoniel Marques Guedes, no bairro Santo Antônio, morreu em confronto com a policia.
Ele estava foragido do Presido de Parnamirim, na grande Natal, onde cumpria pena por assalto e na noite de hoje reagiu atirando na Guarnição do Departamento de Transito de Mossoró, que realizava barreira preventiva na Avenida Leste Oeste.
Segundo informações, militares do 2º DPRE realizavam abordagem, quando perceberam um carro fazendo a manobra no meio da avenida e retornando. Houve um acompanhamento tático, mas o condutor bateu o carro na BR 110 e fugiu para uma região de mato dentro do campus da Universidade do Semiárido.
Segundo informações, ele teria tomado um celular do vigilante da Ufersa e quando percebeu a chegada da policia, teria efetuado disparos em direção a guarnição. Os policiais reagiram e pouco tempo depois, “Wilton Bigode” foi encontrado dentro do mato, já ferido. Ele foi socorrido para o Hospital Regional Tarcísio Maia, mas não resistiu.
“Wilton Bigode” tinha varias passagens pelos presídios de Mossoró e da capital, onde respondia por trafico de drogas, assaltos, tentativas e homicídios qualificados. Ele estava num carro tomado de assalto no ultimo dia 25 na cidade de Baraúna e portando um revolver calibre 38 municiado.
Imagem


O Câmera
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário