_________________________________________________________________

_________________________________________________________________

19º Homicídio em Mossoró 2018: Preso de justiça morto com mais de 20 tiros na Barrinha, poucos minutos após deixar a prisão

O preso de justiça, Thallyson Davi Gomes da Silva,que respondia por crime de assalto (art. 157) foi morto com cerca de 20 tiros de pistola calibre 380 na Comunidade da Barrinha, na zona rural de Mossoró, região oeste do Rio Grande do Norte. 

O crime de execução aconteceu por volta das 15h00min deste domingo, 28 de janeiro de 2018 e segundo informações a vítima, tinha acabado de deixar a Cadeia Pública onde estava preso desde o dia 27 de junho de 2017. Thallyson foi condenado a 2 anos e 4 meses e 18 (dezoito) dias de reclusão, pelos crimes de roubo majorado e corrupção de menor de 18 anos, mas recebeu da justiça o direito de recorrer da setença condenatória, em libedade. O alvará de soltura foi expedido neste sábado, (27) e chegou à direção da unidade prisional neste domingo (28), que procedeu a liberação do preso.

Thallyson Davi, não esperou que familiares fossem buscá-lo e resolveu seguir até a Barrinha e segundo informações de testemunhas, quando chegou na comunidade, que estava realizando uma ligação telefônica para sua familia, um carro de cor preta se aproximou e os ocupantes passaram a atirar de dentro para fora do veículo em direção a vítima. 

Poucos minutos depois do crime, o pai da vítima chegou no local, provavelmente para encontrar o filho e levá-lo pra casa, mas se deparou com seu filho caído ao solo, com o corpo crivado de balas e sem vida. 

Segundo a perícia criminal, foram cerca de 20 tiros, que atingiram a vítima em cheio. Thallysson morreu na hora. Os criminosos fugiram após o crime em sentido ignorado. A Polícia não tem ainda informações sobre a motivação do crime, nem pistas dos criminosos. 

De acordo com o site do Tribunal de Justiça do RN, Thallyson Davi Gomes da Silva, havia sido preso em junho de 2017, acusado da pratica de assalto em companhia de uma menor de idade, onde na oportunidade, sob ameaça com arma de fogo, subtraíram dois celulares das vítima, mas acabaram sendo presos pela Polícia Militar.

Após o isolamento do local do crime, realizado pelos policiais do Grupo Tático Operacional (GTO) e a perícia realizada pela equipe do ITEP com acompanhamento da equipe da Delegacia de Plantão, sob o comando do DR. Valtair Camilo de Paiva, o corpo de Thallyson Davi, foi recolhido pelo rabecão e encaminhado a sede do ITEP para procedimentos de necropsia. 

Com mais um homicídio registrado em Mossoró, a cidade passa a contabilizar 19 assassinatos neste ano de 2018. O crime será investigado pela Divisão de Homicídios (DHPP).


Fim da linha
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário