_________________________________________________________________

_________________________________________________________________

Adutoras rompem e deixam oito cidades do RN sem abastecimento de água


Segundo Companhia de Águas e Esgotos, problema foi causado pela da chuva que caiu no final de semana na região Seridó. Previsão é que reparos só sejam concluídos na sexta (13).


Adutora Serra de Santana, na região Seridó potiguar, foi uma das afetadas pelo grande volume de água (Foto: Anderson Barbosa/G1)

Oito cidades da região Seridó potiguar ficaram sem abastecimento de água depois que as chuvas do final de semana causaram o rompimento de duas adutoras na região Seridó do estado, segundo informou a Companhia de Águas e Esgotos do RN (Caern). Cerca de 80 mil pessoas foram afetadas. A previsão é que o sistema só seja restabelecido na sexta-feira (13).

De acordo com a companhia, a cheia do rio Oiti, que desce a Serra de Santana e desagua na barragem Armando Ribeiro, danificou as redes de 400 milímetros na captação das adutoras Serra de Santana e Emergencial de Currais Novos/Acari. A captação destas duas adutoras está localizada dentro da barragem Armando Ribeiro Gonçalves, no município de São Rafael.

As cidades afetadas pelo problema foram: Acari, Bodó, Cerro Corá, Currais Novos, Florânia, Lagoa Nova, São Vicente e Tenente Laurentino Cruz. Até que seja restabelecida a situação normal, a Operação Vertente - que atua com abastecimento de água por meio de carros-pipa, deverá atuar em casos mais urgentes, segundo a empresa.

Segundo a Caern, os serviços de reparo ainda dependem das condições climáticas para serem concluídos. Isto porque a equipe enfrenta dificuldades circular com os veículos dentro de alagadiços, o que atrasa o trabalho.

A Caern irá transferir a captação do local atual para outro ponto na Armando Ribeiro, no município de Jucurutu, em uma comunidade conhecida por Camilos. Caso o serviço seja concluído antes, a população será informada.

A recomendação da companhia é de que a população use a água disponível de forma racional. "Os consumidores afetados devem usar com parcimônia a água que possuem reservada, tendo em vista que não há como manter um abastecimento paralelo até a regularidade do mesmo, já que a água disponível para a região é fornecida pelo sistema afetado", informou a empresa, em nota.

Chuvas

As chuvas do final de semana também provocaram estragos na BR-405. A força da água causou deslizamento de pedras, tombamento de árvore e abriu crateras no asfalto. A PRF reforçou que os motoristas devem desdobrar a atenção, principalmente entre os quilômetros 72 e 73.

Por G1 RN

Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário