149ª Vítima da violência em Mossoró em 2018: Delegados e Legistas do Itep concluem: Morte das irmãs e criança será tratada como triplo homicídio.



Duas irmãs foram mortas dentro de um apartamento na Rua Tiradentes, próximo a Igreja Católica do Alto da conceição em Mossoró, Por volta das 22h de sexta-feira, 27 de julho. Uma das vitimas estava no 8º mês de gestação e a criança foi retirada ainda com vida pelos médicos do Samu, com apoio de um medico da Policia Militar. 


A criança, do sexo masculino que seria chamado “João Miguel” morreu cerca de 02h depois, no Hospital e Maternidade Almeida Castro. 

Depois de analisarem todos os registros do hospital que recebeu a criança e de uma demorada reunião do Delegado Evandro Luiz, com o medico legista do Itep e professor de medicina legal, Vital Luiz, o caso passa a ser tratado como triplo homicídio. 

Segundo o medico, a criança morreu em consequência da morte de sua mãe. Com oito meses, ela teria condições de sobrevir fora do ventre da mãe, mesmo nascendo de maneira inesperada e antes do tempo. 

O Câmera teve acesso a informação no inicio da noite de hoje, 28. Segundo o Delegado, o principal suspeito é o pai da criança, Ex-namorado da mãe dela, conhecido apenas como “Robson”. O delegado informou ainda que depois de concluído os procedimentos deverá pedir a prisão do acusado. 

O Câmera
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário