_________________________________________________________________

_________________________________________________________________

SUSPEITO DE MATAR E QUEIMAR MENINA DE 12 ANOS EM MOSSORÓ É PRESO NO CEARÁ


A Polícia Militar de Limoeiro do Norte, no Ceará, confirmou a prisão na manhã desta sexta-feira (15) de um dos acusados de raptar, e matar queimada a adolescente Geane Melo de Nogueira, de 12 anos, no dia 4 de novembro, no bairro Nova Vida (Malvinas), zona leste de Mossoró.

Fábio David da Silva Aquino, de 18 anos, conhecido como Ceará, foi preso após ação de policiais militares no bairro Bom Nomes. Ele, uma mulher que se apresentou com o nome de Letícia Vital Ramos e mais dois adolescentes estariam na cidade de Limoeiro escondidos. 

Na abordagem, os suspeito reagiram e Fábio David acabou sendo baleado na altura do ombro na troca de tiros com os policiais. Ele foi levado para o hospital local e em seguida encaminhado à Delegacia de Russas juntamente com os demais detidos.

Fábio David fugiu de Mossoró após o assassinato brutal da menina Geane, em retaliação pelos assassinato do bebê Anthony Caleb, de 1 ano e 6 meses, na mesma noite do dia 4 de novembro. Caleb estava com os pais na praça quando foi morto com tiro na cabeça.

Após prender os assassinos do bebê Caleb e balear os pais dele, os policiais da Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa de Mossoró chegaram os sete nomes dos suspeitos de raptar, matar e queimar o corpo da menina Geane.

Em contato com a imprensa, o delegado Rafael Arraes, da DHPP, pediu ajuda para localizar e prender os assassinos.

Após raptar, matar e queimar a menina Geane Melo, os assassinos, que são do Primeiro Comando da Capital (PCC), fugiram para Limoeiro do Norte, onde alugaram uma casa. Ocorre que os criminosos do Sindicato do RN descobriram onde eles estavam.

Segundo a polícia cearense, os criminosos Bacleudo, Bobi, Waldim e Mazin foram matar Jonatas, Carol e Fábio em Limoeiro. 

No entanto, os três perceberam que estavam sendo caçados pelos membros da facção rival e Carol se passou por Josiane e ligou para a policia pedindo socorro.

Os policiais militares agiram rápido e conseguiram evitar a chacina, que estava previsto de acontecer nesta quinta-feira, 15. Na manhã do dia 16, os policiais receberam informações de quem seria os alvos e fez a abordagem. Houve reação e na ocasião Fabio foi baleado no ombro.

Os três foram levados para a Delegacia Regional de Russas, onde foram apresentados ao delegado Fixina, que por sua vez fez contato com o delegado Rafael Arraes, de Mossoró, que enviou para a autoridade policial de Russas a ordem de prisão.

Com relação aos outros suspeitos detidos, ainda não se sabe se participaram ou não do rapto e assassinato brutal da menina Geane Melo.

Texto/MH
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário