_________________________________________________________________

_________________________________________________________________

PERSEGUIÇÃO TERMINA COM PRISÃO DE MEMBRO DO PCC FORAGIDO DE ALCAÇUZ


De acordo com a polícia, Madson Maximiano Batista dos Santos, o “Cotonete”, cumpria pena no presídio de Alcaçuz e diz ser integrante do PCC

Uma perseguição policial terminou com a prisão de um foragido do presídio de Alcaçuz, em Nísia Floresta (Grande Natal), na tarde desta segunda-feira (17). A ação foi coordenada pela Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (Deicor).

Além do foragido, outro homem foi preso. De acordo com os policiais, a dupla é integrante de quadrilha armada especializada em roubos, adulteração e venda de veículos com atuação no RN, na Paraíba e em Pernambuco.

Segundo os policiais, eles estavam chegando a uma residência no conjunto Cidade Satélite, na Zona Sul de Natal, onde haveria carros roubados e clonados. Quando se aproximaram da casa, um veículo do tipo Fiat Toro saiu do local. Os policiais tentaram realizar a abordagem, mas não conseguiram. Ao perceber os agentes se aproximando, os suspeitos iniciaram uma fuga.

Minutos após, já na BR-101, em perseguição, os policiais encostaram o veículo no qual estavam os suspeitos e conseguiram pará-lo para realizar a prisão. Foram presos Madson Maximiano Batista dos Santos, de 24 anos; e Júlio César Batista da Trindade, de 18. O primeiro é conhecido como “Cotonete” e – segundo informações da polícia – é foragido do presídio de Alcaçuz. Ele disse ser integrante do Primeiro Comando da Capital (PCC).

Dentro do Fiat Toro foi encontrada uma porção de maconha. Após a prisão, a polícia foi até a casa de Madson Batista onde encontraram outro veículo roubado e clonado. Os dois homens foram presos em flagrante pelos crimes de receptação, associação criminosa armada e adulteração de sinal identificador de veículo automotor. Eles também responderão por roubo.


OP9
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário