_________________________________________________________________

_________________________________________________________________

SUSPEITO DE ESTUPRAR FILHA E MANTER ESPOSA EM CÁRCERE PRIVADO É PRESO NO RN

José Raimundo, 38, foi denunciado pela família da mulher, que estaria presa na casa deles em Nísia Floresta há pouco mais de um mês, além de também ser vítima de violência doméstica

Suspeito de manter esposa sob cárcere usa tornozeleira eletrônica. Foto: Polícia Civil/Divulgação

Um homem foi preso na tarde desta quarta-feira (23), na cidade de São José de Mipibu, na Grande Natal, sob suspeita de manter a esposa sob cárcere privado e abusar da filha de apenas 10 anos. O caso só foi descoberto graças a denúncia feita pela família da vítima. De acordo com a polícia, o suspeito foi identificado como José Raimundo, de 38 anos. Ele usa uma tornozeleira eletrônica e disse já ter sido condenado por tráfico de drogas.

José Raimundo estaria mantendo a esposa, que possui 25 anos, em cárcere privado há pouco mais de um mês. Ela também seria vítima de violência doméstica e, ainda segundo os depoimentos, ele teria abusado da própria filha. O estupro ainda não está comprovado e precisará ser investigado, inclusive com a realização de exame sexológico na criança.

O suspeito e as duas vítimas foram encontrados na rodoviária de São José de Mipibu, cidade que fica a 5 quilômetros de Nísia Floresta, por volta das 15h30. No momento da prisão, José Raimundo estaria obrigando a filha e a esposa a pedir esmola para conseguir dinheiro que seria usado na fuga da família. Para os investigadores, ele agiu assim porque já desconfiava que seria denunciado.

O suspeito foi encaminhado para a Central de Flagrantes em Natal e deve ser encaminhado para um Centro de Detenção Provisória (CDP) na capital.

OP9
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário