_________________________________________________________________

_________________________________________________________________

PF APREENDE NO RN DUAS TONELADAS DE COCAÍNA EM CARGA DE MELÃO


Mais de 2 toneladas de cocaína foram encontradas em meio a um carregamento de melões dentro de um container na noite desta quarta-feira (13). Essa foi a segunda apreensão da Polícia Federal em menos de 24 horas no Porto de Natal, na Ribeira, Zona Leste de Natal. De acordo com o chefe da Delegacia Regional de Investigaçao e Combate ao Crime Organizado (DRCOR) da PF-RN, Agostinho Cascardo, em operação conjunta com a Receita Federal, a Polícia Federal fez a apreensão após a fiscalização nos containers.

Dessa vez foram encontradas 2,07 toneladas de cocaína dentro de um carregamento que também seguia para a Holanda, na Europa. Na última terça-feira (12) já tinham sido aprendidas 1,27 toneladas da mesma substância, até então, considerada a marca recorde de apreensão da droga no porto. Segundo a PF, o embarque da carga aconteceria na manhã desta quinta-feira. A Polícia Federal apreendeu 5,09 toneladas de cocaína na Região Metropolitana de Natal nos últimos 8 meses.

O delegado Agostinho Cascardo informou que a partir das apreensões, a polícia segue a investigação para desbaratar a origem da carga e serem realizadas operações futuras para serem efetuadas os devidos mandados de busca e as prisões dos envolvidos. Não há confirmação da origem da droga. As investigações agora terão prosseguimento com o objetivo de identificar a autoria desse crime de tráfico internacional de drogas, cuja pena varia de 7 a 25 anos de reclusão.

A Polícia Federal acredita que essas apreensões ocorridas nas últimas 48 horas reforçam a importância das reuniões da Comissão Estadual de Segurança Pública nos Portos, Terminais e Vias Navegáveis – Cesportos, que o órgão pretende realizar ao longo deste ano.


Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário