_________________________________________________________________

_________________________________________________________________

Policia Civil de Macaíba desmantela grupo formado por namoradas de traficantes


“Bonde das Garotas do Crime” grupo é formado por namoradas e companheiras de bandidos que pertencem a uma facção criminosa

Thalia Damião da Silva de 19 anos de idade - de vermelho - e Lorena Ferreira de Souza de 20 anos, foram presas na manhã desta quinta-feira, 17 de outubro, suspeitas de assaltos na cidade de Macaíba, na Grande Natal.

As duas, segundo a Polícia Civil, também são suspeitas de integrar um grupo intitulado “Bonde das Garotas do Crime”, do qual fazem parte namoradas e companheiras de bandidos que pertencem a uma facção criminosa.

Segundo o Delegado de Macaíba, Cidorgeton Pinheiro, Thalia é considerada a dona, ou gerente, de um ponto de venda de drogas. Ela tem envolvimento com dois elementos envolvidos com o trafico de drogas na cidade. Um deles continua preso.

Ainda segundo o delegado as duas jovens foram presas preventivamente por força de ordens judiciais. “Elas são investigadas por pelo menos cinco assaltos cometidos aqui na cidade”, revelou o delegado.

Cidorgeton contou que os crimes foram cometidos com características semelhantes. “De moto, com a cara limpa, e sempre de armas em punho”.

Os mandados foram cumpridos nas casas das suspeitas, que ficam no Centro e no bairro Alto da Raiz.

Na primeira residência, os policiais se depararam com um rapaz que estava traficando drogas. Ele recebeu voz de prisão e também foi levado para a delegacia.

Já no segundo imóvel, os policiais também encontraram drogas e celulares. Os entorpecentes e os aparelhos foram apreendidos.

O delegado disse que outras jovens que também fazem parte do grupo já foram identificadas e que novas prisões devem acontecer em breve.

*O Câmera
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário