_________________________________________________________________

_________________________________________________________________

Dois suspeitos mortos, cinco presos, menor e armas apreendidos durante operação policial na zona rural de Alto do Rodrigues no Oeste Potiguar



Policiais civis das Delegacias de Pendências, Macau, Guamaré e Alto do Rodrigues, integrando Força-Tarefa composta por policiais federais e militares, atuando junto à Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública, deflagraram, na manhã desta terça-feira 24 de março de 2020, uma operação de combate ao crime organizado na região.

As diligências foram realizadas em um sítio na zona rural de Alto do Rodrigues e resultaram nas prisões em flagrante de três suspeitos e na apreensão de um adolescente, além de armas de fogo bala-clava e apetrechos utilizados, supostamente, para a prática de crimes. Eles são suspeitos de praticarem os crimes de organização criminosa, tentativa de homicídio, porte ilegal de arma e receptação. 

Durante a ação policial, dois suspeitos resistiram à prisão e efetuaram disparos de arma de fogo contra os policiais envolvidos na diligência. Houve confronto com os policiais, os dois suspeitos foram atingidos por disparos, socorridos e encaminhados para hospital de Pendências, mas não resistiram aos ferimentos e morreram.

Os presos são: Antônio Juvenal da Cunha Filho, mais conhecido como “Toinho do Shopping”, 56 anos, Roberto de Souza e Silva, mais conhecido como “Márcio Cabeção”, 38 anos, e Jonatas Ismael Pereira Filho, mais conhecido como “Galego”, 21 anos. Além disso, um adolescente de 15 anos foi apreendido. Eles foram conduzidos até a Delegacia Municipal de Pendência para a lavratura do procedimento devido. 

Em diligências complementares, outros dois suspeitos de integrarem grupos criminosos foram presos em flagrante. na cidade de Alto do Rodrigues. São eles: Antônio Ivan Alves Silva, 41 anos, e Bruno Bezerra da Silva, 23 anos. No local, foram encontradas, três motocicletas roubadas e um revólver calibre 32. Ao final da operação foram apreendidos dois revólveres, três espingardas, três motocicletas roubadas, balaclavas e roupas camufladas, possivelmente, utilizadas em ações delituosas. 

De acordo com a investigação, o grupo pertence a uma organização criminosa, atuante nos municípios de Alto dos Rodrigues e Pendências. O chefe do grupo, que não resistiu e morreu, seria Melkem Bendson Oliveira da Cunha, mais conhecido como "Kokito ou Apocalipse”, suspeito de ter assassinado um sargento da Polícia Militar, no bairro de Felipe Camarão, na Zona Leste da Capital Potiguar. 

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário