Engenheiro paraibano condenado por favorecimento de prostituição infantil é preso no Rio Grande do Norte


Uma ação conjunta do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) e da Polícia Militar potiguar prendeu na manhã desta quarta-feira 29 de julho de 2020, um engenheiro de pesca condenado por favorecimento de prostituição infantil. João Adriano Carvalho Guerra é condenado pela Justiça da Paraíba a 7 anos de prisão e estava foragido. Ele foi localizado e preso em Barra do Cunhaú, praia do município de Caguaretama, no litoral Sul do RN.

Segundo a polícia paraibana, os crimes foram cometidos por João Adriano em 2007. A investigação apontou que ele trazia meninas menores de 18 anos de cidades do interior da Paraíba para a casa dele, em João Pessoa, onde havia o favorecimento à prostituição.

João Adriano Carvalho Guerra estava morando na praia de Barra do Cunhaú. Ele será encaminhado a João Pessoa e entregue ao Poder Judiciário daquele Estado.

Disque-denúncia 127

João Adriano foi localizado e preso após uma denúncia anônima feita ao Disque-denúncia 127, do MPRN. O número está disponível para denúncias de crimes em geral. O cidadão pode ligar gratuitamente para o número. A identidade da fonte será preservada. Além do telefone, as denúncias também podem ser encaminhadas por Whatsapp para o número (84) 98863-4585 ou e-mail para disque.denuncia@mprn.mp.br.

Os cidadãos podem encaminhar informações em geral que possam levar à prisão de criminosos, denunciar atos de corrupção e crimes de qualquer natureza. No Whatsapp, são aceitos textos, fotos, áudios e vídeos que possam comprovar as informações oferecidas.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário