_________________________________________________________________

_________________________________________________________________

Polícia Civil prende dono de loja de veículos suspeito de integrar facção criminosa com drogas e armas em Mossoró


Uma investigação realizada pela Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR) resultou na prisão em flagrante de Jailson Xavier de Mesquita, 42 anos dono de uma loja de carros em Mossoró região Oeste Potiguar.

O empresário foi preso na manhã desta segunda-feira 06 de julho de 2020, no Conjunto Abolição III em Mossoró, durante uma ação que contou com o apoio das equipes da 2ª Delegacia Regional de Polícia (DRP), da Delegacia Especializada em Narcóticos (DENARC) de Mossoró e da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Durante cinco meses, a DEICOR realizou uma investigação sobre as ações de integrantes de uma facção criminosa de atuação estadual, em Mossoró, e conseguiu descobrir que Jailson Mesquista era um dos suspeitos de integrar o grupo criminoso.

“O suspeito atuava na cidade no ramo automobilístico, com o intuito de lavar dinheiro do esquema criminoso. Ele recebia carros de criminosos, fazia a venda e recebia comissão, há cerca de 5 ou 6 anos. Além disso, nossa investigação também descobriu que ele buscava substância semelhante à cocaína em São Paulo, para distribuir em Mossoró”, detalhou o delegado Erick Gomes, diretor da DEICOR.

Na manhã desta segunda-feira, as equipes conseguiram prender o suspeito quando ele estava em um veículo. Com ele, os policiais apreenderam dois revólveres calibre .38 sem registro, munições de calibre .38 e 380, além de cinco quilos de drogas e R$ 43 mil reais em espécie. A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

*Fim da Linha
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Atenção, antes de postar um comentário leia isto:

1. Todos os comentários postados neste espaço passarão por uma rigorosa análise antes de serem publicados.

2. Comentários que agridem verbalmente pessoas públicas só serão aceitos com identificação por meio de um cadastro válido.

3. Estes comentaristas devem se identificar com uma Conta Google, OpenID, LiveJournal, WordPress, TypePad ou AIM. Para todos os casos basta escolher a opção desejada no campo "Comentar como:" e logar.

4. Para responder um comentário basta clicar em “Reply” no comentário e escrever a resposta na frente do texto na janela que abrir. Exemplo: @<ahref="#c1234567890123456789">Anônimo</a> Olá, ótimo comentário. ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário