82° Homicídio em Mossoró 2021: Homem morre após ser espancado a paulada ao tentar atear fogo na casa de sua ex-mulher


Cláudio morreu na delegacia de plantão

A ocorrência teve início por volta das 19h30min desta terça feira 29 de junho de 2021, na Rua Francisco Pascoal no Bairro Santo Antônio em Mossoró no Oeste Potiguar.

Segundo a Policia Civil, Cláudio Pereira da Silva de 49 anos, residente na Rua Francisco Uchôa no Bairro Dom Jaime Câmara em Mossoró, tentou atear fogo na casa de sua ex-companheira, mas foi impedido por Francisco das Chagas da Silva" padrasto da ex de Cláudio.

Na tentativa de defender sua enteada o mesmo desferiu uma paulada na cabeça, do ex genro que caiu ao solo. A PM foi acionada e conduziu Cláudio Pereira para a Delegacia de Plantão para os procedimentos cabíveis

Já por volta de 01h30min, desta madrugada, quando os policiais civis, foram retirar Cláudio Pereira para ser ouvido pelo delegado de plantão DPC Renato Oliveira, o mesmo estava morto. O SAMU ainda chegou a ser acionado, mas nada pode fazer, pois o preso já estava sem vida.

O corpo foi recolhido pela equipe do ITEP, após a perícia e encaminhado para exame no IML do órgão. Segundo o laudo necroscópico a causa da morte foi Traumatismo Craniano Encefálico (TCE) em decorrência da ação contundente..

Após receber informações do médico legista de que o caso teria sido um homicídio, o delegado Renato Oliveira, passou a empreender diligências no sentido de elucidar o crime e na tarde desta quarta feira, numa ação conjunta com a Delegacia Regional e da Homicídios, conseguiu chegar ao autor do crime.

Francisco das Chagas da Silva de 36 anos foi localizado e preso em uma fábrica onde trabalha no Conjunto Abolição II. O mesmo foi conduzido à Delegacia de Homicídios e durante seu depoimento confessou o crime e alegou legítima defesa. Após ser ouvido ele foi liberado e respondera o processo em liberdade até que saia uma decisão da justiça.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário