Em Caicó RN: Homem sugere envenenamento do presidente Bolsonaro e Polícia Federal apura o caso


Um morador da cidade de Caicó recebeu visita da Polícia Federal nesta segunda-feira (7). O motivo foi a publicação de ameaças ao presidente Jair Bolsonaro, que estará no município nesta semana, em redes sociais. O homem sugeriu o envenenamento do presidente e teve que prestar esclarecimentos aos policiais.

A postagem foi publicada no fim de semana. O homem, identificado como Bismarck Victor Diniz, sugeriu que envenenassem a comida que o presidente da República consumirá em Caicó. Um seguidor entrou em contato através de mensagem direta e questionou se, de fato, ele estava sugerindo o envenenamento do presidente. Após a confirmação do dono da conta na rede social, o seguidor, que é advogado, registrou a imagem da conversa e acionou a Polícia Federal.

"Ele (Bismarck) disse que foi motivado por essa onda de ódio nas redes sociais, sem nenhuma pretensão de agredir ou atentar contra a vida do presidente. Foi um ato impensado, infeliz, e pelo qual ele está arrependido", disse o advogado Navde Rafael.

Ainda de acordo com o advogado, o autor da postagem já teve a conta nas redes sociais derrubada e ele está em um local seguro, por supostamente estar sofrendo ameaças após a publicação. "Tememos pela integridade dele, que está bem abalado", disse Navde Rafael.

Visita

O presidente da República, Jair Bolsonaro, faz uma visita de dois dias à região Nordeste entre a terça e quarta-feira (9). No segundo e último dia, quarta-feira, Bolsonaro inaugura a chegada das águas do rio São Francisco no leito do rio Piranhas-Açu, no município de Jardim de Piranhas, a 300 quilômetros de Natal, na região do Seridó.

Na noite da terça-feira, chega de helicóptero e pernoita em Caicó e, no dia seguinte, Bolsonaro faz uma visita à barragem de Oiticica, em Jucurutu e às 11 horas, vai a Jardim de Piranhas. Depois de entregar o Eixo Leste da transposição do São Francisco, o presidente da República segue para Mossoró, de onde voa para Brasília.

Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário